domingo, 31 de maio de 2015

TUDO É ENERGIA – 4ª PARTE


TUDO É ENERGIA TRANSFORMADA EM SERES. E, NO FIM, OS SERES SE TRANSFORMAM EM ENERGIA, A FONTE VITAL DA VIDA ETERNA.

Diante de um mundo que desconhece o porquê dele e que desconhece o porquê de seu ser e vivendo, assim, distraído, sonhando, ludibriados pela matéria, ludibriados pelas aparências, ludibriados pelas fantasias e a caminho, a largos passos, do abismo e vindo, dessa forma e dessa maneira, à extinção dessa civilização, pelo progresso das ruínas da matéria.

O progresso das ruínas da matéria, porque tudo que é de matéria por si mesmo se destrói, por si mesmo se acaba.
Então, estavam a caminho, a passos largos, da destruição de tudo, do extermínio de tudo, do fim dessa civilização.
Dessa forma, todos a passos largos, a caminho do abismo, por o progresso da matéria ser de destruição, pela matéria por si mesmo se destruir.

A matéria é um mal e o mal por si mesmo se destrói e, na sua destruição, cada vez o progresso do domínio da poluição.

Por viverem distraídos com a vida do nada e por tudo ser nada, tudo acaba em nada.

Distraídos com a vida do nada, por julgar o nada como tudo sendo e vendo que o nada, nada é e, por isso, tudo acaba em nada.

Vendo que o nada nada é, mas, por estar embriagado pelo nada, fanatizado pelo nada, dominado pelo nada, sonhando que o nada tudo é, dominado pelas aparências, completamente cegos pelo nada, julgando que o nada tudo é e vendo e sentindo que o nada, nada é, por … tudo  acabar em nada.

Então, o que adianta um julgamento desse para a destruição de si mesmo e acabar no abismo, pelos modos e maneiras que é constituída essa natureza deformada?!
Caminhando desse jeito e dessa forma para a extinção da civilização, como muitas já foram extintas (nas primitivas eras passadas), por adotar a ilusão como tudo sendo, por adotar as variedades como tudo sendo, por adotar os sonhos como tudo sendo, por adotar as aparências como tudo sendo, o resultado foi este: a extinção de  civilizações milenares.

Por adotar o fracasso de si mesmo, a derrota de si mesmo, como tudo sendo.

Por estarem (por se deixarem levar pelas ilusões) dominados pelas ilusões.

Olha para a vida e os longos anos de vida das gerações passadas!

Olha o estado físico das gerações passadas!
E vejam como já se degeneraram demais!
E vejam daqui para a frente, como ficarão e como acabarão: dentro do abismo, o extermínio dessa civilização.

Tudo isso sendo evolução natural da natureza de deformação, porque tudo que é deformado vai se transformando sempre o seu estado de deformado, porque o mal por si mesmo vai se destruindo, porque o mal por si mesmo se destrói.

É lógico e notório.
Deformação: uma coisa que está fora do seu estado natural.

Uma coisa que se degenerou e se deformou em um estado que, para quem não conhece e não sabe o porquê, é natural.

Mas, agora não chegarão à extinção total dessa civilização, por a natureza ter mudado de fase, pela evolução natural da natureza.

A natureza mudou naturalmente, por circunstâncias de transformação natural da natureza, para um estado de sua verdadeira recuperação.

Sendo o estado natural da natureza agora, a Fase Racional.

A fase ligada ao mundo que deu consequência a este.
O mundo de onde esse mundo surgiu, o MUNDO RACIONAL, que, por circunstâncias aí esclarecidas, surgiu esta deformação Racional.

Deixando de serem o que eram Racionais puros, limpos e perfeitos, para ficarem nas condições em que estão, mas, em estado ainda de recuperação, de voltarem para o seu verdadeiro mundo do seu verdadeiro estado natural, a razão de ser Racional puro, limpo e perfeito.

Então, não havendo necessidade de se julgarem perdidos como aí estavam, porque está aí a fase de recuperação de toda a humanidade, para saber como voltar ao seu estado de Racional verdadeiro, natural, de Racional puro, limpo e perfeito, no seu verdadeiro Mundo de Origem, o MUNDO RACIONAL.

E, assim, dessa forma, todos hoje encontraram o seu verdadeiro Mundo de Origem, o MUNDO RACIONAL, e as possibilidades de para lá voltarem; aí estão todos os esclarecimentos em suas mãos, para a glorificação de si mesmo e de todos voltarem ao que eram, voltarem à vida eterna, no seu verdadeiro mundo,  o MUNDO RACIONAL, o mundo verdadeiro da origem do animal Racional.

E aí estavam até hoje procurando a sua verdadeira origem e, hoje, todos cientes de onde vieram e para onde vão, como vieram e como vão.
E dessa forma as tristezas acabaram.
………………………………….
Agora, sim chegou a fase do esclarecimento de tudo, chegou a Fase Racional, a fase do esclarecimento de nossa origem de Racional e de tudo enfim que é de Racional.
E, assim, hoje todos com a porta do seu verdadeiro Mundo de Origem aberta, para que todos voltem para o seu verdadeiro mundo e se retirem de um mundo que não é o mundo verdadeiro.
São de origem Racional e o mundo dessa origem é o MUNDO RACIONAL.

Texto extraído do 20º vol. da Tréplica do Livro UNIVERSO EM DESENCANTO.

4ª Parte - Publicado em 18 de junho de 2009 por nalub7

Fonte: Nalub7 

Clique aqui e leia a 5ª PARTE 





Representa a União Consolidada de Pessoas 
que se Preocupam, Dia e Noite e Noite e Dia com 
a Recuperação do Equilíbrio da Humanidade.

A CONTINUAÇÃO DESSES ESCLARECIMENTOS E 
DE OUTROS MAIS, ESTÃO CONTIDOS NOS 
LIVROS UNIVERSO EM DESENCANTO.

ADQUIRA O PRIMEIRO VOLUME DA OBRA, 
COMECE A DESENVOLVER SEU RACIOCÍNIO,  
E TER A PROTEÇÃO QUE VOCÊ PRECISA.
"NATURAL É TUDO AQUILO QUE PODE SER, 
SEM PREJUÍZO DE NINGUÉM.”

*O CONHECIMENTO DE CULTURA RACIONAL 
PRECISA ESTAR NAS ESCOLAS*

RACIOCINAR SEMPRE!! PENSAR, NUNCA!

ESTE CONHECIMENTO É PARA TODOS! 
DIVULGUE, POIS TODOS PRECISAM SABER.





TUDO É ENERGIA – 3ª PARTE.



FALA O RACIONAL SUPERIOR.

TUDO É ENERGIA TRANSFORMADA EM SERES. E NO FIM, OS SERES SE TRANSFORMAM EM ENERGIA. A FONTE VITAL DA VIDA ETERNA.

Quem não sabe o porquê vive, não sabe o que faz, não sabe o que quer; pois, se ele não sabe o principal, que é saber porque vive, muito menos sabe o que faz.

Então, quem não sabe o porquê vive, não sabe porque veio, não sabe porque vai; e quem nada sabe a seu respeito e a respeito do mundo em que vive, nada sabe fazer de certo ou de bom, porque vive sem ter noção nenhuma de sua vida.

Vive porque tem vida, mas, não sabe o porquê vive e não sabe dizer porque vive.

Quem vive desconhecido de si mesmo, não pode conhecer coisa alguma.

E, desta forma, as provas aí estão em si mesmo, por não saberem o porquê que assim são, por não saberem o porquê que assim é.

Por não saberem o porquê todos assim são, por não saberem o porquê tudo assim é e por não saberem o porquê o mundo assim é.

E vivendo nessas condições, sem coisa alguma de real saber, distraídos com o que os outros inventaram e criaram, dominados pela ilusão, dominados pelas fantasias, dominados pelas aparências, dominados pelos sonhos, dominados pela vaidade, dominados pela matéria, torturados pela matéria, escravizados pela matéria, martirizados pela matéria, vivendo de matéria, sem conhecer, sem saber o porquê da matéria.

Aparentemente julgando tudo ser e vendo, na realidade e sentindo em si mesmo, nada ser.

Texto extraído do 20º vol. da Tréplica do Livro UNIVERSO EM DESENCANTO.

3ª Parte - Publicado em 18 de junho de 2009 por nalub7

Fonte: Nalub7 




Representa a União Consolidada de Pessoas 
que se Preocupam, Dia e Noite e Noite e Dia com 
a Recuperação do Equilíbrio da Humanidade.

A CONTINUAÇÃO DESSES ESCLARECIMENTOS E 
DE OUTROS MAIS, ESTÃO CONTIDOS NOS 
LIVROS UNIVERSO EM DESENCANTO.

ADQUIRA O PRIMEIRO VOLUME DA OBRA, 
COMECE A DESENVOLVER SEU RACIOCÍNIO,  
E TER A PROTEÇÃO QUE VOCÊ PRECISA.
"NATURAL É TUDO AQUILO QUE PODE SER, 
SEM PREJUÍZO DE NINGUÉM.”

*O CONHECIMENTO DE CULTURA RACIONAL 
PRECISA ESTAR NAS ESCOLAS*

RACIOCINAR SEMPRE!! PENSAR, NUNCA!

ESTE CONHECIMENTO É PARA TODOS! 
DIVULGUE, POIS TODOS PRECISAM SABER.





TUDO É ENERGIA – 2ª PARTE


TUDO É ENERGIA TRANSFORMADA EM SERES. E NO FIM, OS SERES SE TRANSFORMAM EM ENERGIA. A FONTE VITAL DA VIDA UNIVERSAL.

Os males se desenvolvendo, os males se multiplicando, as ruínas apavorando todos e as aparências em domínio de tudo.
E, assim, esta vida com todos esses recheios de metabolismo pelo egoísmo reinante, pelos egoístas insaciáveis e, desse jeito, a vida se tornando um recheio de aventuras desmedidas e todos sofrendo as consequências desse paraíso sofredor, em que todos sonham e perguntam:

“QUEM SOU? Sei que sou um sofredor, mas, não sei o porquê assim sou.”

E vivendo dessa maneira acabrunhado, por ter certeza notória que este mundo tem um Dono.
Se não tivesse Dono, ele não existia.

Se ele existe é porque tem um Dono que tudo isso fez. E o Dono espiando todos, espiando tudo, vendo todos e vendo tudo.

Tem a coragem de não saber viver, por enganar a si mesmo e pensando que está enganando. Completamente esquecido de que o Dono está aí assistindo tudo no mundo inteiro.

O Dono está em todo lugar e, dessa forma, o próprio Tribunal da matéria fazendo o julgamento da matéria.
E por fazer o julgamento da matéria, é a causa do mundo de matéria e todos os seres de matéria estarem aí, vivendo da forma que vivem, por estarem nas condições em que estão.

O Tribunal de matéria fazendo o julgamento da matéria, para a lapidação dos seres humanos.
E, hoje, para segurança e garantia e salvação de todos, aí está a Fase Racional, a fase de recuperação dos seres de origem Racional, da classe aí em trânsito, de animal Racional.

E, de forma que esse conteúdo de vida, a vida entrou em choque com a própria vida e, por a vida entrar em choque com a própria vida, é a causa da destruição da vida, por a vida entrar em choque com a própria vida.
Dessa maneira, as garantias falharam e o mundo entrou em colapso, por a vida se tornar cada vez mais sacrificada, pelo esforço irresistível que é necessário para viver.

O ponto alto de desnivelamento, de desnível total.
Não havendo nível, não há o certo. E não havendo certo, todos à procura do certo.

E quanto mais à procura do certo, mais difícil de encontrar, por tudo estar fora do nível, o certo sempre por encontrar e sempre tudo por acertar.

Enquanto “acerta, não acerta”, o sofrimento impera.
E dessa maneira, o ponto alto da cegueira, o tumulto abrangendo a tudo e os sonhos se destruindo naturalmente, os pesadelos chegando e tudo em forma de pesadelo, pelo peso das aparências, que só geram más consequências.

É um estrondo do império de fogo, com a sua atividade e tudo assim por todo lugar, por a era ser esta, a era da fase que terminou, a fase de animal Racional.

Terminou uma era e entrou uma fase, a Fase Racional.
Então, a era é que está em liquidação e a fase é a Fase Racional, de recuperação.

Então, quem está dentro da era, já era, porque a era terminou. A era de animal Racional.
E entrou um fase, a Fase Racional.
Então, é uma era que era; não é mais, porque terminou a era de animal Racional.

A era voltando ao que era.
O que era?
Nada.
E quem está ligado à era, era. E, de repente, deixou de ser o que era.

É a evolução natural da natureza, em suas mudanças e transformações.

No terminar uma era, terminam os feitos da era, acabou a era, acabou os feitos da era.

E, por isso, o mundo, antes de 1935 era uma coisa. De 35 para cá o mundo se tornou outro, diferente do que era, porque terminou a era, em 1935, de animal Racional.

E  de forma, que a evolução natural da natureza, completamente diferente.

A era é assim: hoje era uma coisa, amanhã já é outra e depois outra e, assim, sucessivamente.
Era hoje, não é amanhã; amanhã já é diferente, depois, mais diferente e, assim, sucessivamente.

Tudo isso, evolução natural da natureza, para que tudo chegue no seu verdadeiro lugar, para que todos cheguem no seu verdadeiro Mundo de Origem, o MUNDO RACIONAL.

Assim são as coisas naturais da natureza: tudo sempre em mudança.
Tudo muda, como o tempo muda.

Tudo sempre mudando, como o tempo sempre mudando.
E de formas, que a vida chegou na sua constituição certa, por estar aí a fase natural da natureza, a Fase Racional.
Então, chegou no ponto certo, o ponto positivo, do verdadeiro Mundo de Origem de todos, o MUNDO RACIONAL.

Agora, as mudanças naturais da natureza, isso são fatores naturais da natureza que regem os seus feitos, de acordo com a sua evolução de transformação e transladação, que é de um lado para o outro.

As mudanças de tempo, as mudanças de temperatura, as mudanças de tudo, as mudanças dia e noite, tudo é evolução natural da natureza.

Tudo reto e correto, por ser evolução natural da natureza.
Que parece mal, como muitos:
“Que mau tempo!”

Tem o tempo bom e tem o tempo mau, por a natureza ser variante.
O quente e o gelo; o calor e o frio.

Tudo circunstancialmente natural, da evolução da natureza.

E dessa forma, a humanidade caminhava, sem sentir e sem perceber, para o abismo.

Todos caminhando para o abismo, por estarem todos distraídos com os sonhos, com as aparências, com as fantasias e com os manejos do passatempo da vida.
Todos completamente despercebidos do abismo em que todos estavam encaminhados.
O abismo feito pelo progresso da degeneração, poluição, transformação e, assim, o caminho da extinção dessa civilização.
O abismo era a extinção dessa civilização, porque tudo que se degenera enfraquece, diminui e, multiplicadamente, desaparece. Imperando, aí, o progresso da poluição.

Tudo cada vez mais fraco.
Tudo cada vez mais poluído.
Tudo cada vez mais podre.
Tudo cada vez mais enfraquecido e, dessa forma, pelo progresso da poluição, pelo progresso da transformação, pelo progresso da degeneração, pelo progresso da erosão de tudo da natureza.

Pelo progresso da velhice, da destruição de tudo e, dessa forma, todos a caminho do abismo.

Cada vez tudo pior em tudo, por tudo ser deformado. E o que é deformado vai de mal a pior, por estar fora do seu verdadeiro natural.

Então, olhando para o passado, as durações dos anos de vida do passado e a estrutura do físico das gerações passadas, de seiscentos anos, de setecentos anos, de oitocentos anos, de milênios, as durações eram longas.
E, hoje, vejam o físico de todos e os insignificantes aninhos de vida.

E cada vez, dessa forma, diminuindo mais...

Diminuindo em tudo: em duração, enfraquecimento, em construção – tudo e todos de mal a pior, por a poluição progredir cada vez mais, sob todos os sentidos da vida.
Poluição de todas as maneiras, de todas as formas, de todos o jeitos.

Tudo cada vez mais poluído!
Tudo cada vez mais degenerado!
Tudo cada vez mais diminuindo mais!
Tudo cada vez mais enfraquecido e, por isso, olhem para o passado, as gerações anteriores e a fortaleza física!
Vejam o quanto diminuíram em tudo e o quanto degeneraram em tudo e quanto enfraqueceram cada vez mais e, dessa forma, a caminho do abismo, da extinção total dessa civilização.

Por viverem completamente despercebidos de tudo, distraídos, sonhando, olhando tudo e despercebidos de tudo e sentindo os efeitos da poluição, o envenenamento da natureza e envenenamento de tudo, pelos gases mortíferos envolvidos na atmosfera, que, lentamente, vai destruindo, que, lentamente, vai envenenando, que, lentamente, vai acabando com tudo: a poluição.

E completamente distraídos com as vaidades, com os sonhos, com as aparências, com as fantasias que embriagam, embriagados pelo encanto, embriagados por essa deformação, embriagados por tudo, por todos viverem de sonhos e de ilusões, julgando as aparências tudo ser e vendo, na realidade, que as aparências nada são.

Se as aparências tudo fossem, todos viviam bem e, não, mal; por as aparências nada serem, é que a vida está nesse torvelinho de tudo turvo, porque ninguém tinha conhecimento do porque de assim ser.

Ninguém tinha conhecimento da origem do seu verdadeiro ser.

Ninguém tinha conhecimento da causa e da origem de seu ser.

Ninguém tinha conhecimento do porquê desse mundo assim ser.

Ninguém tinha conhecimento do verdadeiro antes de ser.
E, assim, vivendo às tontas, por não saber porque vive.
Porque quem não sabe porque vive, vive tonto.

Texto extraído do 20º vol. da Tréplica do Livro UNIVERSO EM DESENCANTO.

2ª Parte - Publicado em 18 de junho de 2009.

Fonte: Nalub7 


Clique aqui e leia a 3ª PARTE 




Representa a União Consolidada de Pessoas 
que se Preocupam, Dia e Noite e Noite e Dia com 
a Recuperação do Equilíbrio da Humanidade.

A CONTINUAÇÃO DESSES ESCLARECIMENTOS E 
DE OUTROS MAIS, ESTÃO CONTIDOS NOS 
LIVROS UNIVERSO EM DESENCANTO.

ADQUIRA O PRIMEIRO VOLUME DA OBRA, 
COMECE A DESENVOLVER SEU RACIOCÍNIO,  
E TER A PROTEÇÃO QUE VOCÊ PRECISA.
"NATURAL É TUDO AQUILO QUE PODE SER, 
SEM PREJUÍZO DE NINGUÉM.”

*O CONHECIMENTO DE CULTURA RACIONAL 
PRECISA ESTAR NAS ESCOLAS*

RACIOCINAR SEMPRE!! PENSAR, NUNCA!

ESTE CONHECIMENTO É PARA TODOS! 
DIVULGUE, POIS TODOS PRECISAM SABER.





TUDO É ENERGIA!!


TUDO É ENERGIA TRANSFORMADA EM SERES. E NO FIM OS SERES SE TRANSFORMAM EM ENERGIA: A FONTE VITAL DA VIDA UNIVERSAL.

O tempo só é ruim para quem não pode esperar. Mas, para quem pode esperar, o tempo é bom, porque alcança o melhor da vida, a salvação de si mesmo, a sua volta à vida eterna.

Sai desta vida externa e ganha a individualidade de seu verdadeiro natural, na posteridade da vida eterna.
Sai do jugo da vida inferior, sendo julgado pelo Tribunal da matéria e, nesse julgamento, pena que faz pena.

E nesse julgamento, quanto mais sofre, mais tem que sofrer e, nesse julgamento, é sempre martirizado.
E, nesse julgamento, é massacrado pelo Tribunal da matéria.
E, nesse julgamento, não tem um momento de sossego.
E, nesse julgamento, a vida é um tormento em vida.
E, nesse julgamento, sempre sofrendo e penando.
E, nesse julgamento, acaba sendo enterrado sem valor de espécie algum.
E, nesse julgamento, perdeu a noção do tempo.
E, nesse julgamento, é condenado pelo Tribunal da matéria à pena do sumiço.
E, nesse julgamento, o Tribunal da matéria passa a jogá-lo para classes inferiores.
E, nesse julgamento, é um contendor do nada, que não sabe fazer o julgamento do nada, que surgiu desta centelha de luz, parecida com vida, e que se apaga de um momento para outro.

O julgamento da matéria é martirizar todos que são de matéria. E, por isso, na classe de sofredores, por estar sob o Tribunal do julgamento da matéria.

Matéria, porque procederam mal. E por proceder mal, aí ficaram sob o julgamento do mal que criaram e fizeram para si mesmo.

Então, perguntando aos seres de matéria:
“Vocês que são de matéria, podem responder porque são de matéria? Podem responder de onde vieram? Podem responder para onde vão?”

Ninguém responde, porque ninguém sabia responder, por ninguém saber o porquê do seu ser e o porquê de assim ser.

E, dessa forma, impossibilitado de responder às perguntas de si mesmo:
“Quem sou? Não sei, porque não sei de onde vim, nem para onde vou.”

E, assim, viveram e viviam nesse amontoado de asneiras, por não saber deduzir a verdade a seu respeito e a respeito de coisa nenhuma.

Dessa forma, todos aí em transes de amargura, por desconhecer o seu estado verdadeiro e formar o embuste, sem princípio e sem fim, sem base e sem lógica, desconhecidos do seu princípio e de seu fim.
Desconhecidos de sua verdadeira origem e vivendo, assim, subordinados aos caprichos da matéria.

E, assim, vivendo sem o redígio certo, não podiam aguentar as consequências da inconsciência; e o triunfo se tornava um triunfo desolador, por viver de sonhos, fantasias e aparências e sofrendo as consequências dos seus métodos de incerteza e todos penando, cada qual de sua forma.

E o inconformismo em manejo de todos.
E dessa maneira todos faziam-se de conformados com tudo e, na realidade, na indecisão de tudo.
Então, nas aparências estavam as ludibriações de ótica e do pensamento.

Nas aparências estava o belo aparente, o “chic” aparente, o bom aparente, o bem aparente, o certo aparente, as maravilhas aparentes, o tudo aparente.
Todos ludibriados pelas aparências e sofrendo as consequências, pelos martírios e o sofrimento atordoante da vida.

Mas, as aparências sempre omitindo tudo, escondendo tudo, escondendo os males, escondendo os defeitos, escondendo a podridão, escondendo a mentira, escondendo o mal, escondendo a falsidade, a traição; as aparências sempre em domínio de todos.
Todos dominados pelas aparências.

Texto extraído do 20º vol. da Tréplica do Livro UNIVERSO EM DESENCANTO.

1ª Parte - Publicado em 17 de junho de 2009 por nalub7

Fonte: Nalub7 

Clique aqui e leia a 2ª PARTE 





Representa a União Consolidada de Pessoas 
que se Preocupam, Dia e Noite e Noite e Dia com 
a Recuperação do Equilíbrio da Humanidade.

A CONTINUAÇÃO DESSES ESCLARECIMENTOS E 
DE OUTROS MAIS, ESTÃO CONTIDOS NOS 
LIVROS UNIVERSO EM DESENCANTO.

ADQUIRA O PRIMEIRO VOLUME DA OBRA, 
COMECE A DESENVOLVER SEU RACIOCÍNIO,  
E TER A PROTEÇÃO QUE VOCÊ PRECISA.
"NATURAL É TUDO AQUILO QUE PODE SER, 
SEM PREJUÍZO DE NINGUÉM.”

*O CONHECIMENTO DE CULTURA RACIONAL 
PRECISA ESTAR NAS ESCOLAS*

RACIOCINAR SEMPRE!! PENSAR, NUNCA!

ESTE CONHECIMENTO É PARA TODOS! 
DIVULGUE, POIS TODOS PRECISAM SABER.







sexta-feira, 29 de maio de 2015

FALA O RACIONAL SUPERIOR !!


COM O RACIOCÍNIO DESENVOLVIDO FICARÃO TODOS UNIDOS A SI MESMOS E A TODOS, PORQUE NO DESENVOLVIMENTO DO RACIOCÍNIO É FEITA A UNIÃO DE TODOS!

A Natureza é quem comanda todos os seus feitos, através de tudo do pensamento e da imaginação.

E quem vive contra a Natureza, vive contra si mesmo. 

E quem vive contra si mesmo, o que acontece? 
Vai de mal a pior sempre, como estão indo todos, construindo a sua própria destruição, por estar contra a Natureza.

Quem está contra a Natureza, está contra si mesmo. 

E estando contra si mesmo, vai fazendo tudo para se destruir, por viverem contra a Natureza.

Veja os resultados como são lamentáveis, de todos viverem com medo, assombrados e amedrontados com os dias vindouros, dizendo:

“O que será do mundo diante do que estamos esperando acontecer? 
O que será da humanidade se acontecer o que esperamos, que é uma conflagração atômica? 
O que será da humanidade?”

Para ver que viver contra a Natureza é viver contra si mesmo! E quem vive contra si mesmo, faz tudo para destruir a si mesmo, como aí já fizeram tudo para destruir a si mesmo!

E esse não é o verdadeiro saber, esse é o saber negativo.
O saber negativo destrói. E o saber construtivo, constrói!
O saber negativo nega a realidade absoluta e positiva, por isso, o saber negativo é de quem vive contra a Natureza.

E quem vive contra a Natureza, vive contra si mesmo, vive contra quem lhe fez, vive contra quem lhe mantém.
Para verem os absurdos como ultrapassam os limites! Porque quem vive contra a Natureza, vive cego pelas aparências. 

E quem vive cego pelas aparências, vive num estado de inconsciência e a inconsciência leva todos pelo caminho dos absurdos.

Então, não é um absurdo fazerem tantas coisas para se destruírem?
Devido o estado de desequilíbrio total, construir elementos para destruir a humanidade.

Ir contra a Naureza, ir contra os feitos da Natureza, ir contra quem lhe fez, ir contra quem lhe mantém com o pão de cada dia!

Para ver, quem vai contra a Natureza, a potência maior da vida, não está regulando satisfatoriamente ou tem um parafuso a mais ou a menos.

Porque a Natureza é quem é Dona de todos os seus feitos, é quem mantém os seus feitos. E se a Dona, que é a Natureza, der uma lição amarga aos inconscientes, a quem vive contra Ela, a quem pensa em destruir o que é dEla, destruir os seus feitos – e que a Natureza é quem pode decidir os maus feitos dos seus feitos. E Ela decidindo, porque ninguém mais do que Ela: o que parece tudo ser, de um momento para outro, nada é!

Porque a Natureza cumpre o dever de defender os seus filhos… os mantém de tudo! E os filhos que já perderam toda a noção da vida, são os que vivem contra a Natureza, contra a FORÇA mais poderosa que existe, que é a Natureza!

Que a Natureza, tomando suas providências, os responsáveis por toda essa loucura, por toda essa hediondez, sofrerão as consequências de suas insensatezes absurdas, por quererem destruir o que não fizeram, o que não sabem dizer porque existe.

A insensatez chega ao ponto dos absurdos de não se conhecer que nada é. Pensa que tudo é, pensa que é dono de quem lhe fez, pensa que é dono de quem lhe mantém.

A insensatez leva ao desequilíbrio e ao extermínio de si mesmo, inverte as coisas.

Se a Natureza é quem fez todos, é quem mantém todos, como se pode revoltar contra os seus feitos, contra quem lhe fez e o desrespeito dos seus feitos?
Chegaram ao auge da loucura e dos absurdos comprometedores de quem fez tudo para destruir o que não sabe porque existe.

E a Natureza vendo todos esses absurdos e aguardando o seu veredicto.
Na hora em que a Natureza positivar o seu veredicto, os que estão contra Ela verão quem é Ela.

Porque a Natureza é a maior potência, Ela é quem determina o tempo de tudo da vida de todos.
Ela é a Dona de todas as vidas e Ela é quem mantém todas as vidas que fez, com o pão de cada dia.

E quem vai contra a Natureza, vai contra si mesmo, por ir contra a FORÇA maior que existe, que é a Natureza.
E a Natureza deixa sempre o seu veredicto para os últimos momentos.

Um absurdo dos absurdos se julgar superior a quem lhe fez e a quem lhe mantém! Um absurdo!

É um desafio a quem fez todos e a quem mantém todos, que está com todo PODER sobre os seus feitos.
A Natureza mantém o seu veredicto para as horas precisas e necessárias, para os momentos naturais do seu veredicto.

A Natureza, como Dona de tudo, está acompanhando tudo e com seu veredicto de que ninguém fica impune, todos que se julgam mais do que Ela e que pretendem destruir seus feitos, como se a Natureza nada fosse, como se a Natureza dependesse de quem Ela fez, de quem Ela mantém.

Muitos, por viverem assim aéreos, pensam que são o que não são, se julgam ser o que não são.

A vaidade e o desequilíbrio ultrapassaram os limites!
E o desrespeito à Natureza, esse é total!
……………………………………………….
E os abusos contra as Leis Naturais da Natureza já ultrapassaram os limites.

E tudo que ultrapassa os limites, a Natureza, como Dona de todos e de tudo e que mantém tudo que fez, toma as suas providências, porque está aguardando a hora do seu veredicto.

O mundo não é de ninguém, é de todos que nele habitam e todos têm o direito de viver – e de viver bem e, não, mal.

Se existem uns bem e outros mal, é porque o mundo ainda está desajustado e que só se ajustará agora.
Com o desenvolvimento do raciocínio é que chegará tudo e todos no seu verdadeiro lugar.

Com o desenvolvimento do raciocínio será feita a união de toda a humanidade universalmente.

E que o pensamento foi feito para desunião, para haver a lapidação de uns com os outros, para chegarem a um aperfeiçoamento o mais depressa possível.

E, por isso, as fêmeas lapidando os machos e os machos lapidando as fêmeas e todos vivendo uns contra os outros, num brigueiro infernal.

E, aí, a lapidação do animal Racional.

Hoje, depois que passaram a conhecer quem a Natureza é, todos passando a respeitar a quem lhe fez e a quem lhe mantém de tudo, porque a Natureza tem tudo para dar a todos.

Quem merece mel, toma mel, quem merece fel, toma fel.

Quem merece flores, toma flores e quem merece espinhos, toma espinhos.

Quem merece o bem, toma o bem e quem merece o mal, toma o mal.

(A continuação dessa mensagem encontra-se na página 36 e seguintes do 200º do Histórico do Livro UNIVERSO EM DESENCANTO)

Fonte: Nalub7 





Este Blog Representa a União Consolidada de Pessoas 
que se Preocupam, Dia e Noite e Noite e Dia com 
a Recuperação do Equilíbrio da Humanidade.

A CONTINUAÇÃO DESSES ESCLARECIMENTOS E 
DE OUTROS MAIS, ESTÃO CONTIDOS NOS 
LIVROS UNIVERSO EM DESENCANTO.

ADQUIRA O PRIMEIRO VOLUME DA OBRA, 
COMECE A DESENVOLVER SEU RACIOCÍNIO,  
E TER A PROTEÇÃO QUE VOCÊ PRECISA.
"NATURAL É TUDO AQUILO QUE PODE SER, 
SEM PREJUÍZO DE NINGUÉM.”

*O CONHECIMENTO DE CULTURA RACIONAL 
PRECISA ESTAR NAS ESCOLAS*

RACIOCINAR SEMPRE!! PENSAR, NUNCA!

ESTE CONHECIMENTO É PARA TODOS! 
DIVULGUE, POIS TODOS PRECISAM SABER.






A VOZ DO ALTO ADVERTE!!

Digite no Tio Google a busca: "barco afunda" e você nem vai conseguir contabilizar
a quantidade de barcos, navios, lanchas, balsas e até plataforma de petroleo.
Lembra da P-36 ? Pois é a natureza cobrando!!
E se você parar pra Raciocinar, iria compreender que nada disso
precisava acontecer se os seres humanos vivessem de forma natural.



Como é difícil viver!

Não se vive impunemente. Sofrem todos; os saudáveis, os enfermos, os abastados, os miseráveis, os arranjados, os honestos, os mentirosos, os assassinos, os iludidos e os desiludidos e, daí em diante, numa fileira infindável.

Se este mundo tem 7 bilhões de indivíduos, pode ter certeza: os 7 bilhões padecem de alguma forma.

Os desiludidos também?

Sim, porque se desiludiram da vida depois de tê-la vivido quase toda e, no final, se deram conta de que tudo não passou de uma ilusão, de uma visão e compreensão ilusória de sua existência neste mundo.

Tarde demais! A sentença de morte decretada no primeiro dia que viu a luz, está para ser executada!

Pergunta, então, o ser vivente, acompanhante do agonizante: “E agora, o que fazer?”

Lá de cima, do MUNDO RACIONAL, diz o RACIONAL SUPERIOR:

“Através de minha emissária – a Natureza- a quem vocês nunca deram o menor valor, criei-os, alimentei-os, cuidei de tudo e de todos; e só na hora da morte as pessoas realizam isso.

E de que adianta se dar conta nos últimos momentos de vida, se na próxima (haverá ainda uma próxima?) não se lembrará de nada e repetirá todo o processo novamente imbuído, embebido, embutido na matéria, de tal forma, que não consegue ver nada, se conscientizar de nada.

Animais, feras, bichos bravios de comportamento irracional!

Já lhes dei oportunidades incontáveis para perceberem a terrível situação em que se encontram, mas, nada parece acordá-los desse sono profundo!

Avisei-os várias vezes para retornarem, quando, por livre e espontânea vontade, adentraram uma pequena parte da PLANÍCIE que não estava pronta para entrar em progresso.

De nada adiantou!

E passaram a regredir, pensando que estivessem a progredir. Outros avisos ocorreram durante a descida que durou 21 eternidades, até perderem seus corpos originais, e passarem a brotar da terra.

Qual! Nada feito.

Depois, quando começaram a nascer do pingo d´água, criei um Alfabeto Racional (o alfabeto Astrológico), que permitiria o seu retorno para a PLANÍCIE RACIONAL, mas, uma grande parte de vocês “esnobou”, porque um não queria ser o que a palma da mão dizia que fosse, o outro não aceitava ser algo inferior materialmente àquilo que era, e assim por diante. Alguns subiram, e subiram muito mais rápido do que vocês possam imaginar! Sim, porque vocês ainda “imaginam e pensam”, quando essas “coisas” já se extinguiram, secaram – e o que existe agora é energia magnética lapidando sem parar.

Estamos em pleno final dos tempos e vocês ainda aí dormitando em pé, verdadeiros zumbis, magnetizados, prontos para se desligarem do contato Racional que ainda, por minha extrema bondade se mantém, guardado a sete chaves dentro de suas próprias glândulas pineais. IGNORANTES!

Vocês estão mal e porcamente flutuando nesse mar revolto, por especial concessão que lhes faço, mas é a última! E nesse mar revolto que vejo aqui de cima, lanço livros e mais livros de Cultura Racional, que são tábuas de salvação para vocês se inteirarem do que é a VIDA e suas 7 partes.

Vocês conhecem uma partícula ínfima do que é viver e justamente a pior parte delas, que é a matéria, e nunca poderão conhecer a origem e a causa de sua permanência nesse segundo mundo, porque esqueceram tudo o que já passaram e esquecerão tudo o que irão passar. Sem Raciocinar não haverá solução nem salvação.

O que Eu estou dizendo e fazendo por vocês e para vocês daqui de cima, seus irmãos estão fazendo o mesmo aí no seu mundo. Fazem a divulgação, doam livros, entregam folhetos em praça pública, fazem conferências, falam nas rádios, escrevem textos, desfilam com a Banda Racional, e vocês o que fazem? Nada!

O que é o nada? É coisa nenhuma, é o vazio sem o contentor, porque é tudo aparência só, ilusionismo puro, sem qualquer valor.

Mais uma vez, e pela última: o Livro se chama UNIVERSO EM DESENCANTO e conta toda a história da humanidade, inclusive a sua, no transcorrer de 21 eternidades da descida para o mundo da matéria.

Agora a escolha é sua. Se ler, entender, se conscientizar, sobe para seu Mundo de Origem para minha companhia e a de seus irmãos puros, limpos e perfeitos. Se não se interessar, continuar adorando a matéria ilusória e valorizando o sono profundo dos mortos-vivos, o Raciocínio, ainda latente em seus cérebros, se desligará e partirá, deixando no comando a energia magnética, a energia dos IRRACIONAIS, o seu verdugo dia e noite, noite e dia, durante as eternidades de descidas por todas as classes irracionais.

Não digam que EU não avisei; EU e meus emissários visíveis e invisíveis.”

Saudações Racionais!

Colaboração de: Gilberto Carnasciali, estudante de Cultura Racional, Miguel Pereira, RJ

Fonte: Nalub7 

(*) Text in English:  The voice from heaven warns 



Este Blog Representa a União Consolidada de Pessoas 
que se Preocupam, Dia e Noite e Noite e Dia com 
a Recuperação do Equilíbrio da Humanidade.

A CONTINUAÇÃO DESSES ESCLARECIMENTOS E 
DE OUTROS MAIS, ESTÃO CONTIDOS NOS 
LIVROS UNIVERSO EM DESENCANTO.

ADQUIRA O PRIMEIRO VOLUME DA OBRA, 
COMECE A DESENVOLVER SEU RACIOCÍNIO,  
E TER A PROTEÇÃO QUE VOCÊ PRECISA.
"NATURAL É TUDO AQUILO QUE PODE SER, 
SEM PREJUÍZO DE NINGUÉM.”

*O CONHECIMENTO DE CULTURA RACIONAL 
PRECISA ESTAR NAS ESCOLAS*

RACIOCINAR SEMPRE!! PENSAR, NUNCA!

ESTE CONHECIMENTO É PARA TODOS! 
DIVULGUE, POIS TODOS PRECISAM SABER.